A Prefeitura Municipal de Capão Bonito e a Santa Casa de Misericórdia inauguraram na manhã desta última terça-feira, dia 9, a implantação da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Covid-19. É a primeira da história da saúde pública do município, com cinco leitos e mais de 30 profissionais envolvidos nas escalas de plantão e atendimento de urgência aos pacientes diagnosticados com Coronavírus.

A cerimônia de inauguração foi de forma virtual e transmitida pelos canais oficias da Prefeitura e contou com a presença do prefeito Marco Citadini, do vice-prefeito Célio de Melo, do presidente da Câmara Municipal, vereador Adinan Martins, do vereador Márcio It’s, da secretária da Saúde, Ana Fernanda, do assessor do deputado Guilherme Mussi, Paulo Cecap, e representantes da Santa Casa de Misericórdia, entre eles Sandro Rodolpho, Nilton Soares e o médico Dr. Alex do Fundo.

De acordo com a municipalidade, a unidade foi estruturada com cinco  leitos de UTI, com atendimento de equipes de profissionais da Saúde exclusivas para a unidade. Além da UTI Covid-19, a Santa Casa de Capão Bonito possui 11 leitos de enfermaria com capacidade de ampliação, em caso de necessidade, para atender suspeitos com sintomas em menor gravidade.

De acordo com o setor administrativo da Santa Casa, a UTI Covid-19 terá um custo de aproximadamente de R$ 330 mil por mês, que serão bancados até o momento pela Prefeitura Municipal com apoio dos deputados federais Guilherme Mussi e Vitor Lippi.

“Foi uma conquista através da soma de esforços entre Prefeitura, Santa Casa, Secretaria da Saúde, profissionais da Saúde e parceiros como os deputados federais Guilherme Mussi e Vitor Lippi. É uma conquista histórica para a população de Capão Bonito”, afirmou o prefeito Marco Citadini.

A Santa Casa explicou que 35 profissionais atuando na UTI de Capão Bonito, entre médicos plantonistas especialistas, médico com habilitação em Terapia Intensiva, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos e auxiliares de enfermagem, e profissionais para área de limpeza e administrativo.

Além disso, a Prefeitura de Capão Bonito também recebeu a doação de cinco respiradores do Governo de São Paulo, que foram entregues na tarde de quarta-feira na Santa Casa.

Com os cinco leitos da UTI e mais 11 leitos de enfermaria, Capão Bonito tem hoje, uma taxa de ocupação hospitalar de 24%, sendo que os 34 casos confirmados até o último dia 9, três pacientes estão internados e dois seus casos suspeitos, somente uma internação.