Com o aumento no número dos casos de coronavírus em Capão Bonito, principalmente com o número recorde de 10 casos registrados em apenas 24 horas na última terça-feira, dia 16, o prefeito Marco Citadini e a diretoria da Santa Casa iniciaram o processo para a implantação de dois novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Covid-19.

Os primeiros cinco leitos de UTI foram inaugurados no último dia 9 de junho, com a doação de cinco respiradores do Governo de São Paulo e recursos de custeio e manutenção da Prefeitura Municipal e com apoios dos deputados federais Guilherme Mussi e Vitor Lippi.

Atualmente, a taxa de ocupação dos leitos de UTI em Capão Bonito está em 40%, com dois pacientes internados. Nesta semana, o Município e a Santa Casa receberam mais dois respiradores do Governo Federal, através do Ministério da Saúde.

Segundo o prefeito Marco Citadini ainda falta alguns equipamentos e materiais para a finalização dos novos leitos. “Estamos buscando novas parcerias para adquirir outros equipamentos e materiais necessários para entregarmos para dois novos leitos de UTI-Covid em Capão Bonito”, disse.

O prefeito ainda esteve na Santa Casa, entregando os novos equipamentos e acertando os últimos detalhes do novo plano de ampliação de leitos. “Embora nossa Santa Casa disponha de cinco leitos destinados ao cuidado de pacientes com Covid-19, essa nova estrutura garante uma linha de combate inteiramente nova para ampliar nossa capacidade de atendimento hospitalar”, disse Citadini.

De acordo com a secretária de Saúde, Ana Fernanda, o governo municipal e Santa Casa estão se esforçando ao máximo para equipar os leitos de atendimento para os casos mais agravantes de pacientes com a Covid-19. “A estrutura que estamos ampliando mostra a preocupação que o Município tem com a segurança dos capão-bonitenses. Ao passo que a situação for normalizada, o cidade vai continuar trabalhando manter os leitos disponíveis e prontos para serem utilizados”, disse.