As Secretarias Municipais de Desenvolvimento Social (por meio do CRAS e CREAS) e de Saúde (por meio do CAPS) promoveram uma ação de conscientização da Campanha Setembro Amarelo, na região central de Capão Bonito, nesta terça-feira, (10/09), data estipulada como Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio.

A iniciativa contou com caminhada pelas ruas Floriano Peixoto e General Carneiro e atividades do Centro Dia Quero Vida. Participaram também alunos da Escola Raul Venturelli, da Casa do Adolescente e do CPP.

Os participantes, com faixas e cartazes com frases de conscientização, chamaram a atenção de forma positiva para o tema.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Social, essa foi uma das ações principais da Campanha Setembro Amarelo, que terá atividades importantes até o próximo dia 28.

“Iniciativas como essa trazem a tona um tema tão relevante e perigoso nos dias atuais. O nosso objetivo é conscientizar e prevenir a nossa população de problemas que podem levar ao suicídio”, declarou o secretário municipal Erivaldo Rodolfo (Nhã).

Setembro Amarelo

O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. No Brasil, foi criado em 2015 pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), com a proposta de associar à cor ao mês que marca o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio (10 de setembro). A ideia é pintar, iluminar e estampar o amarelo nas mais diversas resoluções, garantindo mais visibilidade à causa.

Todos podem ser divulgadores desta importante causa. Ações na rua, caminhadas, passeios ciclísticos, roupas amarelas ou simplesmente o uso do laço no peito já despertam atenção e contribuem para a conscientização. Faça parte desta causa! E não se esqueça: a campanha é em setembro, mas falar sobre prevenção do suicídio em todos os meses do ano é fundamental!

Informações

Busque informações, procure ajuda, fale abertamente sobre as emoções. A fala auxilia no entendimento dos sentimentos, na compreensão do que se passa dentro de si. Sem julgamentos, contra si ou contra o outro. Busque o CVV, uma das ONGs mais antigas do país, por meio do telefone 188.