6ª VIRADA INCLUSIVA – Aconteceu na noite de segunda-feira, 22/11, na escola municipal “Profa. Maria da Conceição Lucas Mieldazis” o pré-encerramento da VI Virada Inclusiva de Capão Bonito, realizada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPcD) com o apoio da Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social

O evento teve o objetivo de mobilizar a participação plena de pessoas e estudantes com deficiência e promover o debate sobre os seus direitos culturais.

A Virada Inclusiva começou no dia 06 de novembro com evento na escola Padre Arlindo Vieira com o tema –  “Esporte Inclusivo”, fazendo parte das ações do Programa de Escola Integral (PEI).

O encerramento contou com palestra abordando o tema “Inclusão é um direito de todos”, além de apresentação de coral de Libras com alunos da escola e apresentações dos artistas Flávio Cocada e Juninho com alunos da APAE de Guapiara e música.

De acordo ainda com o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência – prof. Mário Rodolfo, a Virada Inclusiva, também é um movimento contínuo de ressignificação da sociedade e de mudança de paradigma nas relações sociais e interação.

“A ‘Virada Inclusiva’ cresce a cada ano, comprovando que cada vez mais pessoas estão aderindo ao movimento pela inclusão da pessoa com deficiência. Isso é fruto do trabalho de todos os organizadores e colaboradores, que acreditam ser possível realizar atividades para todas as pessoas, tenham elas deficiência ou não”, afirmou o prefeito Júlio Fernando que prestigiou o pré-encerramento acompanhado da secretária de Educação – Ana Luiza Dias e do secretário de Desenvolvimento Social – Jaderson Braga.

“Foi um dia daqueles que ficam na memória, mais uma etapa de um trabalho em conjunto que vem se consolidando com atitudes, exemplos e valores. A Educação inclusiva pode acontecer sim, somos imensamente gratos por sermos escolhidos para sediar mais uma etapa da #virada #inclusiva que ocorreu em nosso município, sabemos dos nossos desafios, por isso iremos trabalhar com todas as nossas energias para garantir dentro da nossa comunidade escolar os direitos da pessoa com deficiência. Aqui somos todos um só, e não aceitamos nenhum aluno a menos, sem exceção somos capazes de realizarmos nossos sonhos e objetivos. Obrigado a cada membro da comunidade escolar que não mediu esforços para que esse dia acontece e que se unem por uma #educação #justa #inclusiva e de #qualidade”, destacaram o diretor da escola – Wanderson Lara e o coordenador – Sidnei Nicoletti.

No Estado de São Paulo, a “Virada Inclusiva” chegou à sua 12ª edição com resultados também positivos.

A programação é planejada de forma colaborativa e voluntária, com ações inclusivas, de modo que intensifique os laços de igualdade e o exercício de cidadania de pessoas com e sem deficiência, para uma sociedade mais democrática e inclusiva.