O prefeito Marco Citadini anunciou na manhã desta terça-feira, dia 2, a aprovação de novo loteamento urbano na região do bairro Jardim Alvorada, o Loteamento Residencial Vila Bella I.

De acordo com o decreto assinado pelo Executivo Municipal, o empreendimento imobiliário possui 235 mil m², sendo 546 lotes de 200 m². Além disso, o loteamento terá sistema viário com pavimentação garantida pela própria loteadora, áreas institucionais, áreas verdes e sistemas de lazer.

Caberá ainda ao loteador a execução de obras de toda a infraestrutura necessária para o empreendimento como demarcação de quadras e ruas, implantação e distribuição de água, implantação de rede de coleta de esgoto, energia elétrica, pavimentação asfáltica, demarcação de lotes, manutenção de praças e áreas de passeio e sistema de drenagem como boca de lobo, tubulação e bueiros.

Apesar do decreto prevê prazo de até dois anos para o início das obras, o investidor do empreendimento garantiu que até o fim deste ano e início de 2020 começa os trabalhos de infraestrutura. Segundo ainda o investidor, os lotes terão preços acessíveis, com valor a partir de R$ 54 mil, e deve contribuir para a queda dos valores do mercado imobiliário capão-bonitense. Também haverá a possibilidade de parcelamento e financiamento, com entrada a partir de R$ 5 mil e parcelas entre R$ 600,00 a R$ 700,00, aproximadamente.

O projeto foi devidamente aprovado pela Secretaria de Planejamento do Município, através do engenheiro agrimensor Heitor Souza. Com esse novo empreendimento, a cidade de Capão Bonito se consolida em seu melhor momento de investimento imobiliário da história, somando-se à construção dos 102 novos apartamentos na região do Terminal Rodoviário, do loteamento Ruma na Vila Cruzeiro, e mais novos loteamentos na Nova Capão Bonito, Recanto das Paineiras.

Segundo o prefeito Marco Citadini, esse conjunto de novos loteamentos no município será fundamental para a diminuição do déficit habitacional de Capão Bonito. O chefe do Executivo também reforça a questão da melhoria dos preços cobrados atualmente no mercado imobiliário capão-bonitense. “Com esses novos investimentos, aumenta-se a oferta de lotes e automaticamente o mercado oferece preços mais acessíveis de acordo com a condição econômica do Município”, ressaltou.

Citadini ainda falou que a Prefeitura tem priorizado os projetos de grande porte nas áreas de Habitação e do Novo Distrito Industrial para criar um ambiente favorável de investimentos públicos e privados no Município. “Capão Bonito está vivendo o seu melhor momento econômico da história, com investimentos recordes, tanto do Poder Público como da iniciativa privada, e isso comprova que as nossas políticas públicas foram corretas e alcançaram o objetivo em médio e curto prazo. Agora, daqui pra frente teremos um verdadeiro canteiro de obras na cidade e um grande volume de investimentos para fomentar a economia local e gerar recorde de emprego em Capão Bonito”, concluiu.