A Prefeitura Municipal de Capão Bonito fará o lançamento oficial do Plano Diretor de Turismo (PDTur) do município nesta quarta-feira, dia 04, às 9h, no auditório do Hotel Baguassu. No evento, será apresentado também o folder de divulgação turística com diversos atrativos de Capão Bonito. O Secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Vinicius Lummertz participará da cerimônia.

Ambos os projetos, que serão oficialmente lançados, foram desenvolvidos por meio de parceria público-privado.

Entendendo a importância do turismo para Capão Bonito, a atual gestão municipal decidiu criar ações estratégicas para fomentar o setor. O primeiro passo foi a criação do Conselho Municipal de Turismo (COMTUR), para formar um colegiado atuante e com responsabilidade com o município.

A partir disso, uma das propostas do Conselho foi a elaboração do Plano Diretor de Turismo, para apresentar propostas de trabalho para atingir o objetivo de fomentar o turismo da cidade, bem como oferecer atrativos a turistas e a empresários do ramo.

“O turismo não recebia tantos investimentos no passado. Precisávamos fazer o Plano, porém não tínhamos recursos para isso. Buscamos a iniciativa privada, apresentamos o projeto e fomos contemplados. A Prefeitura pôde contratar a UFSCar de Sorocaba, uma instituição renomada para fazer a consultoria nos processos”, explicou o assessor de Relações Institucionais da Prefeitura e responsável pelo setor de turismo, Francisco Lino.

A equipe técnica da UFSCar que trabalhou no PDTur de Capão Bonito foi formada por profissionais das áreas de Turismo e Geografia, com formação em realização de inventários, projetos de planejamento, ordenamento territorial e gestão estratégica.

De acordo com a equipe, o Plano servirá para destacar o perfil turístico do município, desde as ações que já são praticadas, até a identificação de possíveis potencialidades.

“Para que o potencial se torne efetivo, é necessário haver um plano estratégico, que é esse Plano Diretor, para dar direções a curto, médio e longo prazo para que o município consiga operacionalizar e observar o que é necessário apresentar em termos de estrutura, empreendedorismo e recepção aos turistas. O Plano é um documento técnico, atende a demandas de uma legislação específica, mas tem que ser visto como um processo que envolva a participação de diferentes setores da sociedade para conseguir cumprir o papel que o turismo traz na geração de emprego e renda e fomento ao empreendedorismo”, ressaltou o professor Dr. Ismail Barra Nova de Melo.

O PDTur começou a ser elaborado no primeiro semestre de 2018 e contou com a participação do curso de Turismo Receptivo, da Etec Dr. Celso Charuri, em que alunos fizeram o levantamento de dados e trabalhos de campo, contribuindo com o projeto.

O assessor Francisco Lino destacou que o Plano, em prática, será de extrema importância para a cidade, pois o projeto é um dos requisitos para credenciar o Capão Bonito como Município de Interesse Turístico (MIT) junto ao Governo Estadual, estando apto pra receber recursos para fortalecer ainda mais esse setor.

Já sobre o folder de divulgação turística, Lino explicou que será uma cartilha de apresentação de Capão Bonito e seus atrativos, bem como parques, resevas naturais, cachoeiras, rotas, trilhas, atrações culturais, culinária, rede de hotéis, entre outros.

“O projeto ficou muito bem elaborado. É um chamariz para que turistas se interessem pelos nossos atrativos e venham conhecer Capão Bonito. É uma grande satisfação poder fazer o lançamento desses trabalhos tão importantes para nosso município e que, em breve trará resultados espetaculares ao turismo e à economia local”, completou.